Menu


Ajude Luiz Miguel a Viver

Causa criada por Ednei Marcio Silva

  • R$652
    Ajudados de R$5.000
  • 4
    Doações
  • 0
    Seg restantes
13 %
O objetivo dessa causa foi atingido parcialmente.
Causa criada por Ednei Marcio Silva
1 causas, 0 contribuições
Ajude Luiz Miguel a Viver

Luiz Miguel nasceu dia 14/02/2014 em Toledo (PR). Em uma das consultas de rotina na pediatra, a médica desconfiou que ele tivesse Sopro Cardíaco, então o encaminhou para uma cardiologista pediátrica, em Cascavel (PR).

Dia 29/05/14 foi feito o eletrocardiograma e deu alteração no exame. Vendo o resultado do exame a cardiologista solicitou também o ecocardiograma e o diagnóstico foi “Miocardiopatia Hipertrófica Grave”. O coraçãozinho do Miguel já estava muito grande para o seu tamanho normal. A médica então fez o pedido de encaminhamento para que o bebê fosse transferido para o InCor.

Sua mãe foi até a Secretaria de Saúde com a carta de pedido de encaminhamento para o InCor, e foram encaminhados para Curitiba. Lá, a médica os atendeu, coletou sangue e urina do bebê e pediu que retornassem depois de 40 dias, pois ela iria avaliá-lo e colocá-lo na fila de transplante, sabendo que tem todo o tratamento com medicamentos e que não tem como fazer um transplante em um bebê de 3 meses (na época).

Dia 19/06 Luiz Miguel teve Bronquiolite e precisou ser internado. Seu estado de saúde piorou, ele ficou com pneumonia e foi transferido para o Hospital CEMIL, na cidade de Umuarama. Dia 05/07 ele teve uma parada cardiorrespiratória e a equipe médica conseguiu reanimá-lo. Um médico cardiologista de Curitiba fez seu acompanhamento juntamente com a equipe do Hospital e foi necessária sua transferência devido a gravidade de seu estado de saúde. Seus rins também começaram a não funcionar bem e ele começou a fazer diálise.

Dia 07/07/2014 Luiz Miguel foi transferido para o Hospital Pequeno Príncipe em Curitiba, via UTI aérea, onde está internado na UTI da Cardio até o momento. Os médicos coletaram materiais para exames (Pompe e Erros Inatos do Metabolismo) e o resultado de um deles chegou no dia 16/07, onde foi dado o diagnóstico: DOENÇA DE POMPE, uma doença rara caracterizada sempre por um comprometimento muscular que afeta a capacidade de sustentação, funcionamento cardíaco e respiratório do paciente. Ele tem a Miocardiopatia Hipertrófica, causada pela doença de Pompe.

Seu tratamento será à base de aplicação de enzima, de 15 em 15 dias durante toda sua vida, juntamente com sessões de fisioterapia. Ele terá acompanhamento de várias especialidades médicas, tais como: Neurologista, Cardiologista, Pneumologista, Fonoaudiólogo, Psicólogo, ...

Mais sobre a Doença de Pompe: http://www.genzyme.com.br/thera/pompe/br_p_tp_thera-pompe.asp

MEIO DE DOAÇÃO:
Além do CaridadX, também é possível doar por:
BANCO DO BRASIL
AGÊNCIA 0830-3
CONTA CORRENTE 29.685-6
EM NOME DE EDNEI MARCIO SILVA (Pai do Luiz Miguel)
CPF 008 590 759 66

Página Oficial da Campanha no face:
https://www.facebook.com/ajudeoluizmiguelaviver